Coreia do Norte ameaça anular encontro de Kim Jong-un e Donald Trump

Publicidade

Publicado em:

16 de
maio

Autor:

Globo.com

A Coreia do Norte ameaçou, esta terça-feira, anular a cimeira prevista para 12 de junho, em Singapura, entre Kim Jong-un e o presidente norte-americano, Donald Trump, devido aos exercícios militares conjuntos dos EUA e Coreia do Sul.


A ameaça foi veiculada pela agência noticiosa sul-coreana Yonhap, que cita a sua congénere norte-coreana KCNA.


As autoridades norte-coreanas anularam já o encontro de alto nível que estava marcado para quarta-feira com a Coreia do Sul.


O encontro de quarta-feira estava marcado para uma aldeia na fronteira entre os dois países e visava criar condições para conversações patrocinadas pela Cruz Vermelha Internacional para reduzir a tensão na linha que separa os dois Estados e reiniciar o processo de reunificação de famílias separadas pela Guerra na Península Coreana.


Segundo a Yonhap, a KCNA reportou o cancelamento do encontro de quarta-feira e que Pyongyang estava a considerar se a cimeira prevista para Singapura iria mesmo realizar-se. Os exercícios militares conjuntos, que deverão prolongar-se por duas semanas, iniciaram-se na passada sexta-feira.



Portal: Globo Expresso.Com