Sexta, 21 DE setembro DE 2018 01:55:11

Croácia ganha da Inglaterra de virada e faz a final com a França

Publicidade

Publicado em:

11 de
jul

Autor:

Globo.com

Com um gol na prorrogação, a Croácia bateu a Inglaterra por 2 a 1, nesta quarta-feira, no Estádio Olímpico Luzhniki, em Moscou, e se credenciou para a final da Copa do Mundo, no domingo, diante da França. Os croatas vão em busca de seu primeiro título, enquanto que os franceses buscarão o segundo título - o primeiro ocorreu em 1998, quando também organizaram o torneio e venceram o Brasil por 3 a 0. Para a Inglaterra, restará a disputa no sábado do terceiro lugar contra a Bélgica, em São Petersburgo.


À Inglaterra resta lamentar a eliminação, com o artilheiro Harry Kane passando em branco em mais um jogo. A defesa bobeou no gol de Mandzukic, que apareceu livre entre dois zagueiros ingleses. A torcida, que cantou durante toda a Copa do Mundo "It is coming home" pelas ruas de Moscou, vai ter que esperar mais um ciclo de quatro anos para tentar disputar uma final - a única foi em casa, na Copa de 1996, no seu único título mundial. E disputar a amarga decisão do terceiro lugar. Aliás, o cantor Mick Jagger, do Rolling Stones, estava lá torcendo pelo English Team.


RESUMO DO JOGO

Mal iniciou a partida no Estádio Olímpico Luzhniki, em Moscou, e Modric cometeu falta em Dele Alli na entrada da área. O cronômetro marcava 4 minutos quando o lateral Trippier fez a cobrança e venceu Subasic, que demorou para chegar na bola: 1 a 0 para a Inglaterra. Em vantagem no placar, a Inglaterra conseguiu controlar os croatas, que não assustaram muito o goleiro Pickford. Pelo contrário, ainda teve chances de ampliar, com Maguire e Harry Kane, mas não conseguiu.


Na etapa final, a Inglaterra diminuiu o ritmo, que já não havia sido intenso no primeiro tempo, e deixou a Croácia se aproximar. Aos 19 minutos, Walker impediu o empate, barrando chute de Perisic. Mas aos 22 minutos, saiu o gol croata. Após cruzamento de Vrsaljko pela direita, Perisic se antecipou e esticou o pé, chegando antes de Walker e mandando a bola para as redes: 1 a 1.


O gol abalou a jovem equipe inglesa, que passou a sofrer pressão. Aos 25 minutos, quase que a Croácia conseguiu a virada, e de novo com Perisic, que entrou na área aos dribles e chutou cruzado. Só que a bola bateu na trave e voltou para Rebic, que pegou o rebote e chutou para a defesa de Pickford. Nos minutos seguintes, os croatas tiveram mais duas chances, mas desperdiçaram as oportunidades.


O primeiro gol do jogo foi anotado no minuto 5 do primeiro tempo, com Trippier, de falta. Na entrada da área, ele cobrou com categoria e a marcou um golaço de placa, colocando os ingleses na frente. Com o tento, a Inglaterra bateu seu recorde de gols marcados em uma mesma edição da Copa: 12. A melhor marca anterior era de 1966, quando foram campeões: 11.


O empate veio aos 22 do segundo tempo. Após cruzamento de Vrsaljko pela direita, Perisic se antecipa a dois marcadores ingleses e chega antes de Walker na pequena área - esticando o pé e chegando antes da cabeça do defensor inglês. Gol. Durante os 90 minutos, a Inglaterra criou e desperdiçou muitas chances de gol no primeiro tempo. Mas o mesmo fez a Croácia na segunda etapa.


No segundo tempo, a Croácia, precisando do resultado, veio para cima. Perisic empatou a partida aos 23 minutos, e os croatas cresceram com o gol: Perisic, de novo, acertou a trave e a equipe deu trabalho ao goleiro Pickford. A Croácia jogará a terceira prorrogação em três partidas de mata-mata. A Inglaterra joga a sua segunda (venceu a Colômbia nos pênaltis nas oitavas).


SUPERMARIO E O GOL HISTÓRICO




Quis o destino que o veterano atacante Mario Mandzukic, de 32 anos, fizesse o gol para entrar na história, jnustamente no momento em que todos em campo se mostravam muito cansados. No segundo minuto do segundo tempo extra, Pivaric cruzou da esquerda, mas a zaga inglesa afastou de qualquer jeito. A sobra ficou com Rakitic, que cabeceou para a área, pegou a defesa de surpresa e encontrou Mandzukic livre, cara a cara com Pickford. Ele chutou cruzado para o fundo das redes. E para escrever uma nova história na Copa do Mundo.




IMAGEM DO GOOOOOOOOOOL! É DA CROÁCIA! Perisic empata o jogo!



Após abrir o placar logo aos cinco minutos, após cobrança de falta de Trippier, a Inglaterra conseguiu controlar a Croácia - que mal teve chances de empatar. O English Team pode estar a 45 minutos de confirmar presença na sua segunda final de Copa do Mundo em toda a história. A Croácia, aos poucos, equilibrou a partida e terminou o primeiro tempo pressionando a saída de bola inglesa. Lovren reclamou de pênalti depois de ser puxado por Stones dentro da área.


IMAGEM DO GOOOOOOOOOL DA INGLATERRA! Trippier cobra a falta com precisão, e a bola morre perto do ângulo de Subasic. Um belo gol da Inglaterra, que sai na frente e fica mais perto da final da Copa!



COMENTÁRIOS: De volta a semifinal depois de 28 anos, os ingleses querem a segunda final de sua história – a única até hoje foi a de 1966, quando a Inglaterra foi campeã. Para chegar nas semis, a seleção passou pela Colômbia nos pênaltis e venceu a Suécia nas quartas por 2 a 0.


Já os croatas, que estiveram entre os quatro primeiros somente em 1998, chegam após duas vitórias nos pênaltis, em cima da Dinamarca e da Rússia. Harry Kane, artilheiro do Mundial, fará o confronto contra o meia e capitão da Croácia, Luka Modric. O vencedor enfrenta a França na final, que se classificou após bater a Bélgica.


CONFIRA AS ESCALAÇÕES:

Portal: Globo Expresso.Com